Ambientes híbridos

Os ambientes híbridos, que incluem Cloud e recursos de TI tradicional, estarão em mais de 70% das empresas de médio e grande porte em 2022. Principalmente durante a pandemia, foi possível ver muitas organizações correrem contra o tempo e migrarem os sistemas, dados e aplicações para a nuvem.

Segundo um estudo da NTT Ltd, essa migração foi essencial para 93% das empresas, e as estruturas de nuvem híbrida foram consideradas “uma salvação para os negócios”.

Este artigo fala sobre uma das 10 tendências do mercado brasileiro de TI e Telecom para 2022. A lista completa foi criada pela IDC Brasil, e aqui no blog da AMTI você confere detalhes sobre cada tema. Acompanhe para saber das principais iniciativas estratégicas que direcionarão os gastos de TI em 2022!

Leia também: Confira 9 tendências tecnológicas para 2022

A importância dos ambientes híbridos

A princípio, muito dessa tendência se deve às mudanças causadas pela pandemia. Dessa forma, o trabalho remoto se tornou popular e a segurança de dados ganhou mais importância. Além disso, o acesso rápido a arquivos e grandes quantidades de dados cria desafios.

Foi desse modo que as empresas perceberam o quanto é fundamental que os funcionários tenham estruturas sólidas de trabalho em home office. O acesso aos arquivos, ou mesmo ao seu computador no escritório, deve ser possível sem qualquer possibilidade de atraso.

Ambientes híbridos: cloud e hardware

Então, os ambientes híbridos fazem parte do modelo que reúne duas das principais soluções de tecnologia no ambiente empresarial. Estamos falando de cloud computing e infraestrutura própria de hardware.

Ou seja, no modelo de infraestrutura híbrida, a empresa tem condições de manter um controle mais eficiente das informações sensíveis. Do mesmo modo, é possível utilizar esses dados por sistemas remotos como a nuvem.

Porém, será que os ambientes híbridos possuem vantagens além deste contexto criado pela pandemia? É o que veremos a seguir.

As vantagens dos ambientes híbridos

Veja cinco motivos que comprovam que vale a pena investir em ambientes híbridos. Além de ser uma tendência, é uma grande praticidade para a rotina das empresas.

1 – Segurança da informação

Primeiramente, uma das razões para optar pelos ambientes híbridos é a facilidade de manter o controle seguro das informações. Neste sentido, o modelo garante que as informações sensíveis do negócio sejam controladas de perto pela equipe de TI.

Além disso, o uso de dados no âmbito dos processos produtivos é feito por um sistema remoto, na nuvem. Isso aumenta a segurança da informação sem prejudicar a produtividade.

Leia também: Sequestro de dados cresce 92% no Brasil e preocupa empresas

2 – Recursos combinados

Desde já, combinar recursos é uma das principais vantagens do modelo híbrido. Nesse sentido, ao optar por este modelo, a empresa ganha versatilidade e maleabilidade de um sistema em nuvem. Sem falar da confiança e segurança de um data center on-premises.

É possível aliar dois elementos de diferentes formas, o que garante personalização e adaptação às necessidades de cada negócio.

3 – Mobilidade aos usuários

O sistema híbrido oferece mobilidade aos usuários, levando mais flexibilidade e amplo acesso aos processos produtivos, mesmo fora da empresa. Assim, a TI híbrida permite que os gestores mantenham o core da empresa hospedado em data centers on-premises, criando um ambiente favorável para o colaborador acessar de onde quiser.

É uma dinâmica fundamental para que o negócio funcione com eficiência, garantindo competitividade e excelência das operações.

4 – Ganho estratégico

Como resultado do uso dos ambientes híbridos, a equipe de TI ganha tempo. Isso porque as tarefas e rotinas passíveis de automatização deixam de ser uma preocupação.

Esse tempo se transforma em ganho estratégico e possibilidades de direcionamento inteligente das demandas. Dessa forma, o profissional tem mais tempo livre para executar atividades importantes para o desenvolvimento tático do negócio.

Leia também: Entenda como a falha no AWS poderia ter sido evitada com nuvem híbrida

5 – Mais aproveitamento dos investimentos, menos custos com manutenção

Uma das maiores preocupações de empresários é sobre a perda dos investimentos anteriores. Porém, quando falamos de ambientes híbridos, as empresas não perdem os investimentos que incluíram adaptação ao sistema em nuvem.

Isso acontece pois o modelo híbrido se beneficia do que é exclusivo da nuvem, sem deixar de usar o data center “in house”. Assim, o investimento não é perdido, e os recursos continuam sendo aproveitados.

Além disso, a manutenção e a redução dos custos são outras vantagens dos ambientes híbridos. Essa economia acontece pois a empresa fica apenas com o armazenamento e controle. Assim, se gasta apenas com o que está utilizando.

Leia também: Segurança em nuvem reduz custos de 79% das empresas

Conquiste ambientes híbridos e multicloud com a AMTI

Como especialistas em tecnologia e transformação digital, nós da AMTI acompanhamos as tendências para te ajudar a conquistar todas as vantagens. Apoiamos nossos clientes na integração técnica das soluções para a nuvem, oferecendo suporte e benefícios como escalabilidade.

Assim, sabendo que soluções Cloud aumentam 87% a receita das empresas, aderir à essa tecnologia é uma estratégia que não pode faltar.

Conheça mais sobre nossos serviços de Cloud e tenha mais essa tendência tecnológica em sua empresa.

Categories:

No responses yet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *